Como você se sente?

Atualizado: 28 de Out de 2018


Seu corpo se movimenta com facilidade?

Seu corpo suporta a vida que você quer?

Seu cérebro funciona bem? Seu humor é estável?

Você tem a energia que quer?

Você dorme bem à noite?

Você confia na orientação de seu corpo?

Você se sente bem consigo mesmo?


Muitas pessoas estão tão focadas no peso, na barriguinha que esquecem de observar alguns sintomas de saúde. Imagina, então focam na restrição, na dieta disso ou daquilo, muitas vezes agravando qualquer dessas perguntas respondidas com um não.


Cuide de da saúde física, mental e espiritual (não necessariamente a ver com religião, ok ?), com auto aceitação , auto amor, livre de comparações (muito menos se for apresentada para você pela mídia). Quando a gente se ama e fica feliz com a gente mesma, tem mais vontade de se cuidar, de comer bem, praticar exercícios.


Vejo muitas pessoas carregando tanto peso, de imagens irreais que gostariam de ter, cortando um monte de alimentos (não sou a favor que se deve comer de tudo sempre, mas, se a pessoa não tem nenhum problema de saúde, nenhuma questão com nenhum alimento, não vejo problema em consumir de vez em quando. O ato de comer envolve questões físicas, sociais e emocionais).


Está rolando um pânico geral de carboidratos no consultório e não é pra tanto, muito menos pra todo mundo. Muita calma nessa hora. Ouça seu corpo, faça seus exames, observe o que tem no seu prato: seu alimento cresce e estraga? ÓTIMO!


Se não, eu acho que você precisa de alguma ajuda e se achar que precisa um profissional, mas faça tudo gentilmente. A hora de se preocupar com a saúde é sempre, todos os dias, é um hábito a ser construído. Dessa forma, não vai gerar pânico pré-verão, pré-biquini.

Vamos focar sempre no que é mais importante?


Rua Nabuco de Araújo, 248  

Embaré - Santos, SP 

sorayacostanutrifuncional@gmail.com

Tel: (13) 97412-4734

  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Instagram
logo.soraya costa.png